Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O ENTARDECER

O ENTARDECER

ECONOMIA HOLANDESA

O que torna a economia holandesa tão forte?

A Economia holandesa é mais do que tulipas e queijos

Diversificada e voltada para a exportação, a economia do quinto membro mais rico da zona do euro vende principalmente para a União Europeia. "Sair da UE seria suicídio económico", afirma economista.

 

Portos, como o de Roterdão, são parte constituinte de um país fortemente voltado para o comércio internacional.

Logo na Holanda, um dos membros fundadores da União Europeia (UE), um partido populista de extrema-direita deve se tornar uma das maiores forças no Parlamento. Pesquisas apontam que o Partido para a Liberdade  (PVV), de Geert Wilders, vai conquistar cerca de 15% dos votos na próxima eleição. Wilders defende a saída da Holanda da UE, ainda que a economia do país esteja crescendo – em grande parte devido às fortes exportações para o restante do bloco.

O PIB teve alta de 2,1% em 2016, o maior crescimento em nove anos, segundo informou nesta terça-feira (14/3) o órgão de estatísticas. Os consumidores gastaram mais dinheiro, as exportações aumentaram e o desemprego caiu de 5,8% para 5,5%. Graças à inflação baixa os consumidores conseguem perceber que as condições devidas têm aumentado. "A confiança dos consumidores está bem acima da média", afirmam os economistas do Banco Hessen-Thüringen (Helaba).

 

Só lhes falta inventar uma geringonça, como se fez em Portugal e, depois, esperar pela miséria, com ou sem cativações?